Show simple item record

dc.contributor.authorBrito, Luciara Les_ES
dc.contributor.authorBarreto, Maurício Les_ES
dc.contributor.authorSilva, Rita de Cássia Res_ES
dc.contributor.authorAssis, Ana Marlúcia Oes_ES
dc.contributor.authorReis, Mitermayer Ges_ES
dc.contributor.authorParraga, Isabeles_ES
dc.contributor.authorBlanton, Ronald Ees_ES
dc.date.accessioned2015-08-25T14:53:09Z
dc.date.available2015-08-25T14:53:09Z
dc.date.issued2003es_ES
dc.identifier.citationBrito, Luciara L,Barreto, Maurício L,Silva, Rita de Cássia R,Assis, Ana Marlúcia O,Reis, Mitermayer G,Parraga, Isabel,Blanton, Ronald E (2003) Fatores de risco para anemia por deficiência de ferro em crianças e adolescentes parasitados por helmintos intestinais. Rev Panam Salud Publica;14(6) 422-431,dic. 2003. Retrieved from http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1020-49892003001100007es_ES
dc.identifier.urihttp://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1020-49892003001100007es_ES
dc.identifier.urihttps://iris.paho.org/handle/10665.2/8295
dc.format.extentiluses_ES
dc.format.extenttabes_ES
dc.relation.ispartofseriesRev Panam Salud Publica;14(6),dic. 2003es_ES
dc.subjectAnemia Ferroprivaes_ES
dc.subjectHelmintíasees_ES
dc.subjectEnteropatias Parasitáriases_ES
dc.subjectBrasilpt_BR
dc.subjectEstudos Transversaispt_BR
dc.subjectPrevalênciapt_BR
dc.subjectFatores de Riscopt_BR
dc.subjectPopulação Urbanapt_BR
dc.titleFatores de risco para anemia por deficiência de ferro em crianças e adolescentes parasitados por helmintos intestinaises_ES
dc.title.alternativeRisk factors for iron-deficiency anemia in children and adolescents with intestinal helminthic infectionsen_US
dc.typeJournal articlesen_US
dc.rights.holderPan American Health Organizationen_US
dc.description.notesOBJETIVO: Investigar os fatores de risco para anemia por deficiência de ferro em crianças e adolescentes (7 a 17 anos) infectados por helmintos. MÉTODOS: Foi realizado um estudo transversal com 1709 crianças e adolescentes residentes na cidade de Jequié, Estado da Bahia, Brasil, que apresentavam infecçäo leve ou moderada por Schistosoma mansoni, Ascaris lumbricoides, Trichuris trichiura e ancilostomídeos. Foram obtidos dados sobre níveis de hemoglobina (hemoglobinômetro portátil), consumo alimentar (inquérito recordatório de 24 horas), infecçäo parasitária (método Kato-Katz), condiçöes ambientais e domiciliares, renda e escolaridade dos responsáveis. Os fatores de risco para anemia na populaçäo foram estudados com base em um modelo hierárquico de causalidade. RESULTADOS: A prevalência de infecçäo por T. trichiura, A. lumbricoides, S. mansoni e ancilostomídeos foi de 74,8, 63,0, 55,5 e 15,7 por cento, respectivamente. Constatou-se que 32,2 por cento das crianças e adolescentes eram anêmicos. Depois do ajuste para variáveis de confusäo, os resultados da análise multivariada mostraram que a renda familiar per capita abaixo de um quarto do salário mínimo (27 dólares), o sexo masculino, a faixa etária de 7 a 9 anos e a ingestäo inadequada de ferro biodisponível foram significativamente associados à anemia. CONCLUSÖES: As açöes para controle da anemia no grupo de maior risco, conforme identificado no presente estudo, devem visar o aumento do consumo de alimentos ricos em ferro e da biodisponibilidade do ferro ingerido, bem como a melhoria das condiçöes sócio-ambientais.(AU)pt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record