Show simple item record

dc.date.accessioned2022-11-17T21:05:34Z
dc.date.available2022-11-17T21:05:34Z
dc.date.issued2022-11-17
dc.identifier.govdocOPAS/CDE/HT/22-0008
dc.identifier.urihttps://iris.paho.org/handle/10665.2/56729
dc.description.abstractA infecção pelo vírus linfotrópico de células T humanas (HTLV) afeta principalmente grupos populacionais vulneráveis: pessoas vivendo em situação de pobreza em áreas com índices de desenvolvimento humano muito baixos, profissionais do sexo, homens que fazem sexo com homens, pessoas que injetam drogas e grupos populacionais epidemiologicamente fechados e semifechados, incluindo populações tradicionais e indígenas. Esse vírus e suas consequências foram negligenciados por décadas, apesar da alta morbidade e mortalidade atribuíveis à infecção pelo HTLV. As políticas públicas de saúde para o HTLV-1/2 são consideradas escassas na região das Américas e geralmente se limitam à triagem de doadores de sangue. A expansão da testagem para HTLV-1/2 deve ser priorizado, e o aconselhamento das pessoas que vivem com HTLV é uma oportunidade para evitar a transmissão. A testagem de gestantes, seguido de interrupção ou limitação da amamentação, deve ser uma prioridade, e testes direcionados para aqueles grupos de populações com alto risco de infecção deve ser considerados. A falta de conscientização sobre a HTLV é um grande desafio, e o engajamento da OPAS/OMS é crucial para superar esse obstáculo. A inclusão do HTLV em programas existentes, como IST e saúde materna, e programas focados na eliminação de doenças infecciosas e infecções negligenciadas, foi identificada como uma oportunidade para facilitar a implementação de políticas de saúde relativas ao HTLV-1/2 na Região. O investimento em pesquisa é necessário para fechar lacunas no conhecimento e desenvolver políticas e ferramentas econômicas que apoiem o avanço de respostas bem-sucedidas em saúde pública, como testes de ponto de cuidado de baixo custo para o diagnóstico HTLV-1/2. A infecção por HTLV também tem impacto negativo nos desfechos de coinfecções comuns na Região, incluindo tuberculose, strongyloidiasis, ISTs e micose. Aspectos genéticos, ambientais e socioculturais podem influenciar os desfechos de agrupamento ou doenças do HTLV-1 na Região. A agregação familiar também é importante e deve ser considerada ao avaliar o impacto das infecções pelo HTLV-1 e projetar políticas de combate a esse vírus. HTLV-2 é o tipo de vírus predominante entre populações indígenas nas américas. Políticas bem-sucedidas para controlar essa infecção devem contar com uma abordagem combinada para superar barreiras linguísticas, culturais e geográficas. Este relatório destaca algumas das principais intervenções disponíveis para a prevenção e controle da infecção pelo vírus linfotrópico de células T humanas (HTLV) e suas consequências e resume experiências nacionais e institucionais, discussões, sucessos e desafios associados à implementação de políticas públicas de saúde para a eliminação da infecção pelo HTLV. Esses temas foram apresentados no webinar "HTLV World Day 2021: Fórum Internacional de Política de Saúde para a eliminação do HTLV – Avanço das políticas de saúde HTLV em todo o mundo".en_US
dc.language.isopten_US
dc.publisherOPASen_US
dc.rightsAttribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 IGO*
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/3.0/igo/*
dc.subjectVírus Tipo III T-Linfotrópico Humanoen_US
dc.subjectPopulações Vulneráveisen_US
dc.subjectDoenças Transmissíveisen_US
dc.subjectInfecções Sexualmente Transmissíveisen_US
dc.subjectInfecções por HTLV-IIen_US
dc.subjectInfecções por HTLV-Ien_US
dc.titleFórum internacional sobre políticas de saúde para a eliminação do HTLV: Promoção de políticas de saúde para o HTLV em todo o mundo. Relatório da reunião, 10 de novembro de 2021en_US
dc.typeMeeting reportsen_US
dc.rights.holderPan American Health Organizationen_US
dc.contributor.corporatenameOrganização Pan-Americana da Saúdeen_US
paho.isfeatured0en_US
paho.publisher.countryUnited Statesen_US
paho.publisher.cityWashington, D.C.en_US
paho.source.centercodeUS1.1en_US
paho.relation.languageVersion10665.2/56052en_US
paho.relation.languageVersion10665.2/56299en_US
paho.contributor.departmentCommunicable Diseases and Environmental Determinants of Health (CDE)en_US
paho.iswhotranslationNoen_US


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 IGO
This notice should be preserved along with the article's original URL.Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 IGO